sexta-feira, 22 de março de 2019

Auto-coaching

Bem, para já, defini duas metas em que preciso de trabalhar o meu auto-coaching, ou seja, questionar-me diariamente que atitudes, pensamentos e ações desenvolvi no sentido de alcançar os meus objetivos. E estes, podem ser tão simples como beber 2 litros de água por dia ou desafiar-me a entender e ser simpática para aquela colega que é... como definir... hum... talvez... parva, antipática e cria mau ambiente por onde circula. Ahhh ela tem muitos problemas desafios, deve ser isso!!

Bem, voltando ao foco, diria que são as pequenas metas alcançadas e repetidas no dia-a-dia que modificam a nossa estrutura de pensamento e ações de um modo sustentável, gosto mesmo desta palavra, SUSTENTÁVEL, é fofinha e poderosa, não é?! Já me estou a perder outra vez. Bom, os meus objetivos são questionar-me da seguinte forma: que raio fiz hoje e que raio posso fazer amanhã para:

- Ser mais saudável, tanto na vertente alimentação como na do exercício físico;

- Não fazer sala aos pensamentos que me deprimem, me deixam ansiosa, triste, revoltada, magoada, irritada, insegura, desiludida e sem esperança. Eu sei que eles existem e não vão desaparecer. Até vêm sem avisar, esses mal-educadões, mas ninguém me obriga a convidá-los a sentar, oferecer-lhes um chá e deixá-los vomitar todos os assuntos que se lembram, até quando aquela amiga foi sair à noite com aquele rapaz giro e não me convidou quando tínhamos 15 anos. Se não dou ouvidos a pessoas que não gostam de mim, por que diabos hei-de dar atenção a estes parvalhões. A bem da verdade, eles só continuam a voltar porque de alguma maneira gostam dos meus biscoitos, que é como quem diz, da atenção que lhes dou, portanto, a partir de agora, está tudo acabado entre nós, ouviram?! Sei que é difícil, mas vocês vão conseguir ultrapassar esta fase. Também sei que vão continuar a querer manter esta relação tóxica, mas para mim não dá, somos só conhecidos a partir de agora. Ah e não foi nada bom enquanto durou, vocês são muito fraquinhos enquanto companheiros, if you know what I mean... ('cause I don't :p).



1 comentário: