terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Conversas imaginárias


Quando estou irritada com alguém e não lho posso dizer até ser o momento certo, penso em tudo o que quero transmitir e, não sei bem porquê, é quando vou a conduzir que revejo a conversa na minha cabeça over and over again. Claro que, na realidade, não conseguiria transmitir as ideias de forma tão clara e racional até porque existiria outra pessoa do lado de lá a reagir ao que diria, o que altera, imediatamente, o fluxo do discurso.

Mas não são só conversas menos agradáveis, enquanto conduzo revejo também momentos cómicos que aconteceram ou algo engraçado que poderia ter dito, ou disse, numa determinada situação.

O que também me acontece é que me apanho frequentemente a responder alto "sim", "não" ou "és uma falsa do pior mas a mim já não me enganas" às afirmações imaginárias que a outra pessoa me está a dirigir.

Isto também vos acontece? É que quem me vir de fora só vê uma mulher com ar zangado ou a rir-se sem se perceber para quem :p

16 comentários:

  1. Falar sozinha não me permito, acho sempre que é coisa de gente com muita idade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lololol... não tenho a conversa toda sozinha são só algumas respostas que me estão ali a querer sair da boca :)

      Eliminar
  2. Nem imaginas quantas vezes isso me acontece! Chego mesmo a ficar irritadissima pelo caminho que a conversa segue, mas sou eu quem a estou a dirigir... ahahah que psicotica que eu sou :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eheheheh... não devemos ser as únicas, deixa lá! Antes isso que prender as emoções negativas ;)

      Eliminar
  3. Ai D&C... Se soubesses as figuras que faço! Quando estou irritada, farto-me de refilar sozinha no carro. Grito, choro, sei lá... Pareço mesmo uma maluquinha! Mas isto já vem de há uns anos... tenho esse hábito de falar sozinha! Enfim... sou doida! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eheheheheh... já li em vários artigos que devemos gritar para libertar as emoções negativas, por isso estás no bom caminho;). Um sitio isolado ou o carro são uma boa opção :)

      Eliminar
  4. Amiga: Ao volante já me viram a rir, a chorar, a ralhar, a falar sózinha, a cantar, a dançar desesperadamente...a minha mais velhinha "diverte-se" a ver a cara dos outros condutores a olhar para mim, enquanto eu não ligo nenhuma!

    Jinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Libertar as emoções é sempre melhor que as guardar. Também já fiz tudo isso e continuarei a fazer!!

      Beijoooooka

      Eliminar
  5. A mim também me acontece isso :) E não é só no carro... antes de dormir, no banho, etc. :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Detesto ir para a cama sem sono exactamente porque me assaltam todas as preocupações. Beijokaaaa

      Eliminar
  6. Na minha cabeça penso em tudo, mas depois...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ensaiamos na nossa cabeça mas na hora da verdade não sai como queríamos, acontece muito

      Eliminar
  7. Estas conversas a mim não me acontecem porque impulsivo como sou, sai logo, as pessoas amuam, eu amuo mas está dito.
    Por isso conto com uma mão os amigos mas não consigo e não quero mudar, lamento que este mundo seja assim e pior que algumas pessoas contribuam para isso mesmo.

    Não fazendo jus ao dia, desejo-te um feliz dia da mulher, sabes que te considero uma mulher com M.

    beijinhos grandes e bom fim-de-semana.

    PS: Por onde tu andes, deixas muitas saudades e as pessoas preocupam-se contigo, sabes disso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada meu querido, eu ano por aqui mas com inspiração a níveis baixíssimos...

      Um beijo enorme para ti :))

      Eliminar
  8. Olá

    Sim acontece, eu além de imaginar conversas, falo comigo mesma e com os outros, outras vezes farto-me de rir... :)) Para não falar na cantoria!

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cantoria também é quase sempre, só nos faz bem!!!!

      Bjinho

      Eliminar